Barbieri 5 min de leitura

Casas de alvenaria, industrializadas e pré-fabricadas. Quais são as diferenças?

Neste post, contamos quais são as principais diferenças entre casas de alvenaria, industrializadas e pré-fabricadas.

 

Casas de alvenaria

A construção úmida com alvenaria utiliza o tijolo como peça fundamental nas suas diferentes formas. Seu processo construtivo é baseado na união desses materiais com misturas úmidas (argamassas), geralmente de concreto, por meio de processos artesanais. Embora comecem a surgir no mercado argamassas sintéticas que reduzem os tempos de montagem e são aplicadas por meio de cartuchos, seu uso é incipiente e pouco difundido.

 

Casas industrializadas ou pré-fabricadas

A pré-fabricação é um conceito que significa "uma construção feita com peças previamente fabricadas para posterior montagem".

A industrialização da construção é entendida como o processo pelo qual as práticas da indústria manufatureira podem ser aplicadas ao processo de construção.

Ambos os conceitos são aplicáveis ​​à construção a seco e ao Steel Framing, uma vez que o uso de práticas industriais é típico de ambos os sistemas: processos em série (não artesanais) e uso de ferramentas de alta eficiência com materiais certificados.

Mesmo nos casos de construção no local, as práticas da construção a seco e do Steel Frame remetem à indústria da manufatura, aumentando a eficiência dos processos. A pré-fabricação é mais um passo para aumentar essa eficiência.

 

Benefícios da montagem de painéis na oficina

A pré-fabricação de painéis ou, em outras palavras, a fabricação de painéis em Steel Frame na oficina, implica trabalhar em condições industriais: em climas controlados, em mesas de montagem mais ou menos sofisticadas que permitem montar painéis em série. A eficiência do processo multiplica-se ao tentar construir várias casas iguais, caso em que os tempos de montagem são ainda mais reduzidos.

O Steel Frame permite uma pré-fabricação total na oficina, reduzindo significativamente o tempo de montagem no local, evitando atrasos devido a climas adversos e gerando uma melhoria substancial nas condições de trabalho dos operadores. 

A industrialização é uma das características fundamentais do Steel Frame, já que os materiais que compõem o sistema são de origem industrial: são fabricados por processos automatizados que garantem que, com isso, os materiais sejam padronizados, com características idênticas tanto nas medidas quanto no seu desempenho técnico. Portanto, ter materiais industrializados dá ao sistema a possibilidade de saber com antecedência qual será o consumo final de cada componente, seus resíduos, seu comportamento dentro da solução construtiva e o impacto ambiental que gera.

 

Mais informações

Para saber mais sobre o sistema visite o site, o blog ou entre em contato conosco. O diálogo constante com os nossos clientes e usuários nos permite obter informação valiosa sobre o que cada um precisa para continuar crescendo.

 

Acesse aqui e conheça os produtos da Barbieri do Brasil