Melhores práticas para estocar materiais na construção a seco

 

Recomendações para o transporte, manuseio e armazenamento de placas de gesso, perfis de aço galvanizado e massas. O manuseio de materiais na construção a seco é mais seguro quando certas precauções são tomadas. Neste post mencionamos algumas recomendações para evitar acidentes e perdas materiais durante o armazenamento.

 

Perfis de aço galvanizado

Os perfis de aço galvanizado para drywall são leves, tornando-os mais fáceis de manusear e estocar. 

Ao receber o produto, é importante verificar sua integridade. No caso dos perfis drywall, pode-se observar uma impressão indicando o tipo de perfil, a espessura, o revestimento galvanizado e o número da norma.

Devem ser armazenados em um local coberto e seco. O tratamento anticorrosivo dos perfis permite que eles possam estar em contato com o exterior por algum tempo, mas a exposição prolongada pode causar danos que limitem seu desempenho.

Ao empilhar, os perfis pequenos devem sempre ser apoiados nos perfis maiores. Além disso, é recomendado que os lotes sejam mantidos amarrados e alinhados. Desta forma, as oscilações ou distorções que podem causar deformações nas peças são minimizadas.

Quanto ao transporte, pode ser feito manualmente quando se trata de unidades isoladas, mas é necessário o uso de auxílio mecânico para movimentar lotes com mais de uma peça.

 

Placa de gesso

As unidades de placa de gesso são mais pesadas do que os perfis e seu manuseio requer outras considerações. 

Como no caso anterior, a primeira coisa é verificar a integridade do produto. A fita de borda deve ser removida na instalação das placas, respeitando a pré-marcação.

As placas de gesso devem ser empilhadas em suportes de não menos de 5 cm de altura, espaçados aproximadamente a cada 40 cm. O comprimento dos apoios deve ser igual à largura das placas. Mantenha o alinhamento do suporte ao empilhar vários lotes. Não empilhe placas curtas com placas longas ou desalinhadas.

O estoque deve ser feito nas faces das placas. Não é aconselhável empilhar os painéis na vertical contra uma parede, pois podem ceder ou colocar em risco a segurança daqueles circulando pelo local.

É importante proteger as placas da chuva, neve, sol e vento, portanto, o armazenamento deve ser feito em local coberto e seco. A exposição a condições climáticas severas pode causar danos que, mesmo que não apareçam imediatamente, prejudicarão o desempenho do produto ou limitarão sua vida útil.

As placas podem ser transportadas manualmente ou por meios mecânicos. No caso de transporte manual, as placas devem ser seguradas na posição vertical. Para chapas muito pesadas, o transporte manual pode ser realizado por duas pessoas, com seus elementos de proteção individual. Se o transporte for realizado por meio de empilhadeira, é importante verificar a resistência da laje e a capacidade do veículo com base no peso das placas.

No manuseio das placas, é imprescindível o uso de elementos de proteção individual adequados. Além disso, é necessário manter a carga próxima ao corpo e usar as pernas, e não os braços, para levantá-la.

 

Massas e adesivos em pó

Os sacos de massa devem ser armazenados em local seco e protegido das intempéries. Devem estar separados do chão, em plataformas e em pilhas de, no máximo, 20 sacos. Isso garante a estabilidade da pilha.

As massas prontas a usar podem ser armazenadas em baldes, protegidos das intempéries e principalmente da luz solar. É importante verificar o prazo de validade de cada produto, e evitar o acúmulo de estoques na obra, onde as condições de proteção podem não ser as melhores..

 

Mais informações

Para saber mais sobre o sistema visite o site, o blog ou entre em contato conosco. O diálogo constante com os nossos clientes e usuários nos permite obter informação valiosa sobre o que cada um precisa para continuar crescendo.

 

Acesse aqui e conheça os produtos da Barbieri do Brasil